167º SAVA: lista de aprovados do curso de Recife (PE)

Veja abaixo a lista dos aprovados no 165º SAVA, realizado nos dias 17 e 18  de outubro 2020 em Recife (PE):

Aline de Vasconcelos Vieira dos Anjos
Ana Carla Alencar Justo
Carlos Rodrigo Brandão Lócio Bezerra
Danielly Karla Leal de Lima
Débora Spencer de Castro Leitão
Douglas Coêlho de Macêdo Gomes
Gustavo Barros Alves de Carvalho
Gustavo Henrique França de Moraes
Hannah Torres de Melo Moura
João Werbert Lucena Landim
Karen Helena de França Moura
Luiz Henrique da Silva Dutra
Magela Teodório Melo Fernandes Magela
Nídia Katarine Fernandes
Ohane Caroline Pereira Alves da Cruz
Patricia Fernanda Suassuna de Farias
Paulo Ricardo Bispo Siqueira
Ramon Arruda Câmara Santos
Renato Barbosa Macêdo do Nascimento
Renato Lima de Souza Gomes
Ricardo Vieira de Siqueira
Rogel Fernandes Tavora de Oliveira Costa
Suzanne Adriane Santos de Abreu


166º SAVA: lista de aprovados do curso de Florianópolis (SC)

Veja abaixo a lista dos aprovados no 166º SAVA, realizado nos dias 17 e 18 de outubro 2020 em Florianópolis (SC):

Camila de Santiago Souza
Carolina Faraco Peruchi
Daniel Duarte Nora
Elias Soldatelli Oliboni
Érica Freitas Lima Lemos
Estevão Naoto Osawa Gutierrez
Felippe Mechereffe de Oliveira
Graciele Bianchi Marcon
Guilherme Pandolfo
Gustavo Bianchini Junkes
Henrique Gioppo Calegari
Humberto Cantanhêde Gaglianone
Isadora Crippa Lemos
Jéssica Francine Wichmann
João Henrique Meyer Schulz
Júlia Pereira Costa
Kewin Koch
Lays Anselmo Moreira
Lisa Wu Yei Yum
Luana Cunha de Oliveira
Luiza Daux Buffon
Marcus Vinícius Carvalho Reis
Marta Radke Kliemann
Matheus de Bem Silva
Paula Cristina Bruch
Richard Thomas Malinowsky
Silvana Hamerski
Victória Piccoli Pletsch


Celebre o Dia Mundial da Anestesia com a SBA

Em 16 de outubro comemora-se o Dia Mundial da Anestesia. Nesta data, no ano de 1846, foi documentada a primeira intervenção cirúrgica realizada sob anestesia geral.

Além de celebrar a especialidade, é o momento de reconhecer o trabalho de milhares de anestesiologistas no Brasil, que são os responsáveis por cuidar do paciente no momento de maior fragilidade, proporcionando segurança e bem-estar durante todo o procedimento.

Anestesia, sinônimo de segurança.

Dr. Rogean Rodrigues Nunes
Diretor presidente da SBA



Campanha WFSA para o Dia Mundial da Anestesia

Para a celebração do Dia Mundial da Anestesia, 16 de outubro, a WFSA preparou ações concentradas no bem-estar ocupacional do anestesiologista. Como abordado na última edição do Siso, o bem-estar do profissional está intimamente ligado à segurança do paciente.

Como participar da ação?

  1. Pense nas ações que você realiza para cuidar do seu bem-estar e de seus colegas
  2. Imprima o cartaz disponível aqui e liste as ações
  3. Faça uma foto segurando o cartaz e compartilhe em suas redes sociais com as hashtags: #NossoBemEstar, #DiaMundialdaAnestesia, #WAD2020 e #WorldAnaesthesiaDay
  1. Espalhe a notícia. Desafie outros anestesiologistas em seu país ou região a participar da campanha de Bem-estar Ocupacional, compartilhando nossos materiais promocionais

O detalhamento da campanha está disponível no guia “Nosso Bem-Estar”, desenvolvido pela WFSA e traduzido pela SBA, no qual você pode descobrir em detalhes como participar exemplos de práticas de bem-estar ocupacional para auxiliar na produção do cartaz.


165º SAVA: lista de aprovados do curso de Campo Grande (MS)

Veja abaixo a lista dos aprovados no 165º SAVA, realizado nos dias 03 e 04 de outubro 2020 em Campo Grande (MS):

Aysllan André de Freitas

Carlos Cesar Ferreira
Fábio Vinicius Benevenuto Feltrim
Francisco Otaviano Wehling Ilgenfritz
Guilherme Lopes de Lima
Gustavo Barone Perez
Helena Souza Sodré
Ignez Kanomata de Mesquita Nachif
Katia Froes Seabra Duré
Lucas Daniel Ribeiro de C. Salustiano
Luciano Bispo Bourdokan
Ludimila Falcão Gomes
Luis Felipe Gomes da Silva
Marcelo Pedra Tognini
Mariana de Oliveira Bertholdo
Marília Eidam
Marli Carmono Lemos Pereira
Nildo Masatomi Miyahira
Paulo André Costa Novaes
Pedro Christiano Barsante Moreno
Priscila Borges Stella
Rafael Kakazu Miyahira
Rafael Stachissini
Renata Paraboli da Silva
Renato Cesar Oliveira Rodrigues
Tobias Fidêncio dos Reis
Yara Delamare Espindola Matos

164º SAVA: lista de aprovados do curso de São Paulo

Veja abaixo a lista de aprovados no 164º  Curso SAVA, realizado nos dias 02 e 03 de outubro de 2020, em São Paulo (SP):

Ademir Viana da Silva
Ana Carla Medeiros de Mattos
Antonio Augusto de Araujo Moreira
Antonio Silva Machado
Bruna Côas Herner
Cristiano Dinato Dutra
Gabriel Piffer Galhiane
Guilherme Miguéis Berardinelli
Juliana Ferreira Dalri
Luiza Paola Calderon Tranquillini
Maria Carolina Freitas de Carvalho
Maria Luiza Miayesi Barra
Murilo Buenos Aires Monteiro
Rafael Coelho
Renan Cabral Cognette
Ricardo Giraldelli Carvalho Lima
Tiago Alkmin dos Santos Ribeiro
Walédya Araújo Lopes de Melo

Veja as 13 medidas para melhorar a saúde mental

Durante a realização da oitava edição do Simpósio de Saúde Ocupacional (Siso) (26), dr. Antônio Egidio Nardi, professor titular de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e membro da Academia Nacional de Medicina e da Academia Brasileira de Ciências, apresentou 13 medidas que podem ser adotadas pelo anestesiologista para controlar a ansiedade e o estresse.

1 – Praticar atividade física regular;
2 – Trabalhar e estudar em horários adequados. “A internet permite que nós possamos fazer isso a qualquer hora, então muitas pessoas começam a trocar o dia pela noite e isso é muito ruim para saúde mental”, disse o psiquiatra;
3- Ler;
4- Telefonar e encontrar amigos, mesmo que pelos meios digitais;
5- Evitar pensamentos negativos, principalmente o excesso de informação sobre a pandemia que a mídia nos traz, fazendo com que a pessoa sai de entrada com aumento da ansiedade. “Se informe, mas não em excesso e rocure orientações nas associações e canais oficiais”;
6- Procure orientação especializada e segura;
7 – Tenha um horário de sono adequado;
8 – Aprecie a companhia de quem mora com você;
9-  Evite desentendimento;
10 – Tenha momentos de reflexão, meditação e descanso;
11- Alimente-se de forma adequada;
12 – Evite exageros em álcool;
13 – Principal de tudo. Em caso de sofrimento emocional, procure ajuda especializada em serviços de psiquiatria e psicologia.

Leia também:
> Palestras destacam o autocuidado como essencial para a qualidade de vida
> Revisão da Carta de Recife e pensamento coletivo são destaques no Siso
> Drogadição e anestesiologia são discutidas no Siso 2020
> Dificuldades e expectativas do anestesiologista na prática clínica diária


Palestras destacam o autocuidado como essencial para a qualidade de vida

Os impactos da ansiedade e da tristeza na saúde mental em períodos de crise, assim com as ações desenvolvidas pela Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA) na tratativa desta questão foram assuntos abordados na última edição do Simpósio de Saúde Ocupacional (Siso), realizada no dia 26 de setembro. A segunda mesa-redonda do dia contou com a palestra do dr. Marcos Antonio Costa de Albuquerque, vice-diretor do Departamento Científico da SBA e idealizador do Núcleo do EU, e o dr. Antônio Egidio Nardi, professor titular de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e membro da Academia Nacional de Medicina e da Academia Brasileira de Ciências.

Dr. Egidio fez um panorama da ansiedade e tristeza não especificamente na pandemia, mas sobre todos os períodos durante a vida profissional, trazendo a palavra MEDO como central para a discussão do tema.  “O medo é uma reação normal nesse momento, mas existem alguns fatores que aumentam esse medo e a nossa ansiedade, que é o desconhecido. existe muita coisa desconhecida em relação à Covid-19″. De acordo com o especialista, essa incerteza sobre a economia, a vacina e até sobre o novo normal afeta a forma como as pessoas se relacionam.

Dr. Egidio também trouxe a reflexão o Setembro Amarelo visto através do ponto de vista médico. Para contextualizar, o especialista referenciou a mitologia grega na figura de Quíron, um centauro que tinha a habilidade de curar o outro, mas não conseguir curar a ferida em sua perna, o que o levou a tentar suicídio algumas vezes. “Médico é grupo de risco para o suicídio, basta ver os casos dos Estados Unidos, onde o número pode chegar a 400 por ano”.

Preocupado com a ciência do bem-estar e da autorrealização a SBA desenvolveu o Núcleo  do Eu que tem a finalidade de buscar o autocuidado e o autogerenciamento. “Como podemos envolver os colegas trabalhando os aspectos psicoemocionais, de espiritualidade e gerenciamento financeiro, porque todos esses pilares são importantes para melhorarmos a nossa qualidade de vida”.

Idealizado pelo dr. Marcos Antonio Albuquerque, o grupo inicialmente montado já realizou inúmeros encontros ao longo de 2020. Atualmente,  o Núcleo do Eu está em fase de estudos para estar disponível aos médicos em especialização no próximo ano. “A nossa finalidade não é cuidado do adicto, do alcoólatra ou  do suicida, mas do autogerenciamento. O quanto cada um de nós pode dedicar da nossa vida a alimentação, a prática do exercício e o quanto tudo isso pode influenciar, inclusive, na melhora do exercício da nossa profissão e na qualidade de atendimento aos nossos pacientes” .

Leia também:
> Revisão da Carta de Recife e pensamento coletivo são destaques no Siso
> Drogadição e anestesiologia são discutidas no Siso 2020
> Dificuldades e expectativas do anestesiologista na prática clínica diária
>Veja as 13 medidas para melhorar a saúde mental


Revisão da Carta de Recife e pensamento coletivo são destaques no Siso

A oitava edição do Simpósio de Saúde Ocupacional (Siso) foi realizada no último sábado, dia 26, e trouxe para a discussão temas como ansiedade, depressão, drogadição e o conflito existente entre as gerações. O evento foi dividido em três mesas-redondas, além de momentos destinados para a revisão dos compromissos firmados na Carta de Recife. O encontro teve o objetivo de discutir e conscientizar os anestesiologistas brasileiros sobre a importância de exercer sua profissão sem deixar de lado a saúde física e mental.

Já na cerimônia de abertura foi destacada a importância do Siso para a discussão da profissão e o desenvolvimento de ações com foco no profissional. Dr. Rogean Rodrigues Nunes, diretor presidente da Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA), destacou o envolvimento das Regionais como importante nesse processo e a Carta de Recife como um documento importante para o trabalho do anestesiologista.

“No sexto Siso houve a confecção da  Carta (de Recife), onde alguns pontos foram enumerados que se estendem ao médico em especialização. O nosso trabalho começa na especialização até para termos um anestesioligista com melhor capacidade física e mental”. Dr. Rogean destacou que, dada a importância desse documento, ele será traduzido para o inglês e espanhol para internacionalizar suas intenções e ações da SBA.

Em suma, a Carta de Recife nasceu dessa urgência em disseminar informações, protocolos, promover o debate e iniciativas efetivas para garantir padrões mínimos de promoção do bem-estar ocupacional dos anestesiologistas recomendados pela Sociedade Brasileira de Anestesiologia. Durante o Siso, após a apresentação dos resultados das regionais signatárias do documento, os diretores de Defesa Profissional presentes assumiram o compromisso de atuar juntos, em grupos, para a atualização do documento e apresentação de novas propostas.

O trabalho coletivo mostrado no encerramento do Siso também foi destacado pelo diretor vice-presidente da SBA, dr. Augusto Key Karazawa Takaschima. “Todas as ações na mudança de hábitos e colocar em prática o que devemos aprender aqui hoje sobre a saúde ocupacional envolve esse espírito coletivo”.

Para o diretor de Defesa Profissional da SBA, dr.  Luis Antonio dos Santos Diego, o Siso é um momento importante para os anestesiologistas poderem refletir sobre a prática diária e a própria saúde. “Falar sobre a saúde ocupacional dos médicos é tratar da segurança do paciente, uma vez que ambas estão ligadas pelo laço da qualidade da prestação do serviço”, disse. O diretor acrescenta que: “É necessário abordar questões que ainda são tabus para a categoria para que desta forma seja possível evoluir na importância do trabalho dos anestesiologistas”.

Acesse os vídeos da abertura e Carta de Recife abaixo:

Abertura

Carta de Recife

Leia também:
> Palestras destacam o autocuidado como essencial para a qualidade de vida
> Drogadição e anestesiologia são discutidas no Siso 2020
> Dificuldades e expectativas do anestesiologista na prática clínica diária
>Veja as 13 medidas para melhorar a saúde mental